O Benfica venceu o Gil Vicente por 3-2 em Barcelos e no final do encontro João Mário e Roger Schmidt deram a voz à satisfação encarnada, mas com alguma preocupação relativamente aos golos sofridos nesta reta inicial de temporada.

Para o técnico das Águias, a vitória é justa, mas este é um jogo que serve de aprendizagem: "Acho que estivemos bem e merecemos esta vitória. Podíamos ter marcado mais golos. Acho que complicámos em frente à baliza. Penso que às vezes ficámos desconcentrados e o Gil Vicente voltou ao jogo. No fim de contas ganhámos, mas podemos aprender coisas com este jogo", começou por dizer em declarações à Sport TV.

Ainda assim, Schmidt não esconde preocupação pelos golos sofridos: "Neste momento não estamos tão compactos, como estivemos em quase toda a última temporada. São coisas que podemos aprender com este jogo", acrescentou, garantindo que Neres e Di María podem jogar juntos no mesmo onze.

Sobre Vlachodimos, o treinador alemão não se absteve nos comentários e até levantou o véu sobre uma eventual saída: "Podemos ter três ou quarto guarda-redes na ficha de jogo, mas não faz sentido, bastam dois. O Odysseas ficou de fora. Vamos ver o que acontece até ao último dia do mercado", atirou já em conferência de imprensa.

João Mário, por outro lado, deixou uma garantia: "alguns jogadores saíram e outros entraram, estamos a criar rotinas. Vamos voltar ao que éramos no ano passado e sofrer poucos golos", atirou à Sport TV.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.