A Lazio venceu hoje por 2-0 em casa do Sassuolo, para a nona jornada da Liga italiana de futebol, liderada provisoriamente pelo Inter Milão, com mais um ponto do que o AC Milan, que joga no domingo.

O triunfo da Lazio em casa do Sassuolo foi alcançado com golos do brasileiro que já representou o FC Porto Felipe Anderson, aos 28 minutos, e do espanhol Luís Alberto, aos 35.

A Lazio, que somou o segundo triunfo consecutivo, segue provisoriamente na sétima posição da Serie A, com 13 pontos, ao alcance de vários clubes que jogam no domingo, enquanto o Sassuolo, que não vence há três, é 13.º, com 10.

O Inter Milão, adversário do Benfica na Liga dos Campeões, venceu o Torino, por 3-0, e ascendeu provisoriamente ao primeiro lugar, com 22 pontos, mais um do que o AC Milan, que no domingo recebe a Juventus.

Depois de uma primeira parte sem golos, o avançado francês Marcus Thuram materializou o ascendente dos visitantes aos 51 minutos, marcando o primeiro da partida, com o atacante argentino Lautaro Martínez, campeão do mundo, a fazer o segundo aos 67, e o médio turco Hakan Çalhanoglu a fechar as contas já em tempo de compensação (90+3).

O Nápoles ganhou por 3-1 em casa do Verona, com Matteo Politano a marcar o primeiro golo, aos 27 minutos, e ainda a assistir por duas vezes o georgiano Khvicha Kvaratskhelia, aos 43 e 55.

A formação napolitana, adversária do Sporting de Braga na Liga dos Campeões, com o internacional português Mário Rui até aos 67 minutos, ainda viu o Verona reduzir para 3-1, aos 60, por intermédio do sérvio Darko Lazovic.

Com a vitória, o Nápoles mantém o quinto lugar, mas junta-se à Juventus e à Fiorentina, todos com 17 pontos, mas as duas últimas, segunda e terceira classificadas, respetivamente, ainda não jogaram (defrontam AC Milan e Empoli).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.