O Sporting recebe, esta segunda-feira, o Gil Vicente, em partida a contar para a 12.ª da I Liga. Trata-se assim do regresso dos leões ao campeonato, depois do dérbi no estádio da Luz contra o Benfica em que os verdes e brancos saíram derrotados por 2-1.

Os verdes e brancos são segundos classificados, e estão em igual pontual com os encarnados, somando 28 pontos em 11 partidas. O Gil Vicente é 11.º classificado da I Liga com 11 pontos em 11 pontos.

Histórico de confrontos

Sporting e Gil Vicente já mediram forças em 47 ocasiões, 44 delas para a liga portuguesa.

Na competição, os leões somam 30 vitórias contra seis vitórias do Gil Vicente e oito empates.

Em Alvalade esse domínio ainda é mais avassalador. São 19 vitórias, contra dois empates e uma derrota em 22 jogos. 54 golos marcados, contra 15 sofridos.

No último embate em Alvalade os leões impuseram-se por 3-1, com tentos de Morita, Pedro Gonçalves e Rochinha. Já Fran Navarro, agora no FC Porto, marcou para os gilistas.

Contudo, na última deslocação a Barcelos, na 25.ª jornada da I Liga do ano passado, os verdes e brancos não foram além de um empate (0-0).

Momento de forma

A nível interno, os leões vêm de um ciclo positivo com exceção da derrota frente ao Benfica na 11.ª jornada. Na receção ao Dumimense, na quarta eliminatória da Taça de Portugal, o Sporting goleou o Dumiense por 8-0, com golos de Luís Neto, Paulinho (3), Francisco Trincão, Sebastián Coates, Nuno Santos e de Viktor Gyokeres.

O Gil Vicente também garantiu a passagem aos oitavos de final da Taça de Portugal, depois de uma vitória frente ao Serpa por 1-0, com um golo de Fujimoto.

Na liga portuguesa, a equipa Barcelos não vence desde a oitava jornada, ronda onde derrotou o Chaves por 4-2. Daí para cá, na principal competição nacional, somou dois empates frente SC Braga (3-3) e Rio Ave (1-1) e uma derrota fora de portas em Famalicão (3-1).

Arbitragem

O encontro entre o Gil Vicente e o Sporting terá no apito Cláudio Pereira, coajuvado por Hugo Ribeiro e José Mira. Vasco Santos e Nélson Cunha vão estar no VAR.

O que dizem os treinadores

Rúben Amorim, treinador do Sporting: "Preparamos ao máximo taticamente este jogo contra um treinador que ganhou cá no ano passado. Jogam muito bem, são muito rápidos na frente. Têm médios-centros que jogam muito bem, muito rápidos com a bola, e isso pode criar-nos problemas. Queremos e precisamos de voltar às vitórias"

Vítor Campelos, treinador do Gil Vicente: "Vamos defrontar um adversário fortíssimo a jogar em casa e temos de ser uma equipa muito concentrada em todos os momentos do jogo, organizada, e a tentar a explorar alguns pontos que identificámos no Sporting. Estamos preparados para fazer um bom jogo"

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.