O Panathinaikos tem pontos fortes, mas também alguns fracos que o Sporting de Braga pode explorar, na terça-feira, na segunda mão do play-off de acesso à Liga dos Campeões de futebol, defendeu hoje o médio Pizzi.

“Analisámos o jogo da primeira mão e sabemos os pontos que podemos explorar, os sítios por onde podemos entrar e fazer mossa na defesa adversária, mas temos que guardar isso para nós. O jogo da primeira mão foi decidido em detalhes. O Panathinaikos quer muito entrar na fase de grupos da Liga dos Campeões, tal como nós”, disse o internacional português na conferência de imprensa de antevisão, em Atenas.

Para o experiente médio, que já leva três golos esta época, o mais importante é os jogadores do Sporting de Braga focarem-se nas “tarefas individuais e coletivas”, considerando que, “quem estiver mais concentrado e focado, vai passar”.

“A equipa está tranquila, confiante e com muita vontade de que o jogo comece. Tivemos uma semana de muita qualidade, com os jogadores focados, a darem o máximo, sabendo de antemão que vai ser um jogo muito complicado, como foi na primeira mão, mas queremos dar uma grande resposta”, disse.

Pizzi, de 33 anos, considera que o adversário “já deu provas do que é capaz de fazer e não se resume só à capacidade de luta e crença até ao fim”.

“Mostraram contra o Marselha e o Dnipro [nas pré-eliminatórias anteriores] que têm muitos bons valores individuais e coletivamente são uma equipa muito consistente, com jogadores rápidos e agressivos na frente”, analisou.

Por isso, importa o Sporting de Braga estar preparado do primeiro ao último minuto também para suportar o “ambiente muito forte” que os minhotos vão enfrentar.

“Eles têm muitos pontos fortes, mas também alguns pontos fracos que podemos explorar e a nossa equipa está preparada para poder vencer e entrar na fase de grupos”, reforçou.

O Sporting de Braga, que venceu na primeira mão, em Braga, por 2-1, defronta o Panathinaikos a partir das 20:00 (hora de Lisboa) de terça-feira, no Estádio Olímpico de Atenas, num jogo que será arbitrado pelo italiano Daniele Orsat.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.